Combustível solar é aposta de startup para voos mais limpos; entenda

A Synhelion, startup suíça focada em tecnologia, fechou parceria com a Swiss International Air Lines para ajudar a empresa a, em breve, colocar no ar aviões movidos a combustível solar.

Em seu site, a startup explica rapidamente o que é, de fato, o tal combustível solar. Segundo a Synhelion, ele se tornará a solução mais economicamente viável, eficiente, escalável e ecologicamente correta para transporte limpo e de longa distância.

“Os combustíveis solares são combustíveis sintéticos produzidos a partir da energia solar. Nossos combustíveis solares contribuem para um setor de transporte com emissões zero, substituindo diretamente os combustíveis fósseis. Eles são totalmente compatíveis com a infraestrutura global de combustível existente”, assegurou.

A primeira fábrica de combustível solar será construída pelas parceiras em Jülich, na Alemanha. O Lufthansa Group, dono da Swiss International Air Lines, também ajudará a erguer uma segunda instalação, que terá como sede a Espanha.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Como é fabricado o combustível solar?

Startup Synhelion será responsável pela produção do combustível solar para aviões (Imagem: Divulgação/Synhelion)

O processo de fabricação dos combustíveis solares, de acordo com a empresa, envolve a criação de painéis solares gigantes. Eles refletem a radiação para um receptor, que fornece calor limpo a temperaturas elevadas, produzindo syngas (hidrogênio e monóxido de carbono), posteriormente transformados em combustível.

“O compromisso da Swiss e do Lufthansa Group reforça o grande interesse do setor de aviação em nosso combustível solar. E estamos ansiosos para o dia em que a primeira aeronave suíça decolar com nosso querosene solar”, comentou Philipp Furler, CEO e fundador da Synhelion.

De acordo com a companhia aérea suíça, o objetivo da parceria e do desenvolvimento do combustível solar é bastante claro: minimizar as emissões de dióxido de carbono e reduzir cada vez mais o impacto ambiental de seus negócios e atividades operacionais. “É por isso que estamos apoiando ativamente o desenvolvimento de combustíveis solares”, sintetizou o CEO da companhia, Dieter Vranckx.

Fonte: Synhelion

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também

Menu