Como é o carro do Google Maps?

Se você já viu um carro do Google rodando por aí, apostamos que a última coisa que pensou em olhar foi a marca ou o modelo do veículo. Afinal, ele chama mais a atenção por andar pelas ruas cheio de equipamentos acoplados ao teto para fotografar tudo o que depois você vai ver no Google Maps.

Lançado em 2007, o Google Street View é um serviço que disponibiliza imagens reais, em 360º, de ruas e avenidas das mais diversas regiões do mundo dentro do Google Maps. Para captar as imagens, a empresa equipa um carro com GPS, câmeras e toda a parafernália necessária antes de sair por aí clicando tudo pelo caminho.

O processo de construção das imagens, no entanto, passa por uma série de etapas, que incluem desde as condições climáticas e densidade populacional do local a ser fotografado até a posição em que os sensores e câmeras serão colocados e, claro, a velocidade com que o carro terá que trafegar para captar as imagens com nitidez.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Dito isso, é bom frisar que não é apenas um carro do Google Maps que faz as fotos em todos os lugares do mundo, tampouco um único modelo de veículo, pois nenhuma montadora, brasileira ou de fora do país, tem contrato de exclusividade para oferecer o serviço ao Google — pelo menos por enquanto.

Mas sempre bate a curiosidade: afinal de contas, como é o carro do Google Maps. Pensando nisso, o Canaltech reuniu 7 carros diferentes que já foram usados pelo Google para captar as imagens para o Street View e disponibilizá-las no Google Maps.

Depois de conhecer um pouco mais sobre cada um deles, também vamos mostrar que não são apenas eles os veículos utilizados pela empresa de tecnologia para desbravar o planeta em imagens.

7. Toyota Prius (2007)

Um dos primeiros modelos usado como “carro do Google Maps” nos Estados Unidos foi o Toyota Prius. O modelo em questão tinha motor 1.5 VVT-i hibrido, ou seja, combinava o uso da gasolina com energia elétrica.

Toyota Prius foi um dos primeiros modelos de carro usados para fazer fotos para o Google Maps (Imagem: Divulgação/Google)

Sua principal característica era a economia, já que ele gastava em torno de 4,3 litros de combustível a cada 100 quilômetros rodados, ou seja, tinha média de 23,4 km/l. A velocidade máxima era de 170 km/h e ele era capaz de fazer de 0 a 100 km/h em 10,9 segundos.

6. Chevrolet Captiva (2011)

Dando um salto no tempo, vamos mostrar um outro carro usado pelo Google para fazer as fotos do Street View e jogar no Maps flagrado aqui no Brasil. Trata-se da agora fora de linha Chevrolet Captiva.

Chevrolet Captiva rodou bastante pela região Sul do Brasil para o Google Maps (Imagem: Reprodução/Daianda Destri)

O modelo da foto foi flagrado em Assis Chateaubriand, cidade do Paraná. A Captiva Sport contava com motor 2.4 de 4 cilindros e foi bastante vendida no Brasil por unir conforto, desempenho e design moderno.

5. Opel Astra (2011)

No mesmo ano em que a Captiva foi flagrada rodando pelo Brasil, um outro modelo da General Motors, mas que por lá é vendido sob a bandeira Opel, também foi “descoberto” em serviço.

Opel Astra flagrado antes de rodar pelas ruas da Alemanha em mais uma missão (Imagem: Reprodução/Swrfernsehen)

Estamos falando do Opel Astra, que rodou por várias cidades da Alemanha em 2011 para, segundo as informações da imprensa local, “atualizar as informações que já estavam disponíveis no Street View”.

4. Subaru Impreza (2012)

No ano seguinte, outro carro bem interessante usado pelo Google Maps foi o Subaru Impreza em sua versão hatch. O WRX STi tinha motor 2.5 turbo e impressionantes 310 cavalos.

Impreza, da Subaru, estacionado em uma das muitas sedes do Google (Imagem: Reprodução/Reddit)

A ficha do modelo diz que o hatch japonês tinha torque de 16,9 kgfm, alcançava velocidade máxima de 238 km/h e era capaz de rodar até 438 quilômetros na cidade com um tanque, autonomia que chegava a 564 quilômetros em trechos urbanos. Dava para fotografar muitas ruas com ele, não é?

3. Hyundai Elantra (2017)

Em setembro de 2017, o Google apresentou os novos modelos de carros para o Maps. Os carros eram os sul-coreanos Hyundai Elantra GT, devidamente caracterizados para, claro, não passarem despercebidos pelas ruas.

Elantra, da Hyundai, também já se “vestiu” de carro do Google Maps (Imagem: Reprodução/Wired)

O modelo era dotado de motor 2.0 de 163 cavalos de potência e torque de 21,3 kgfm. O consumo girava entre 10,1 km/l na cidade e 12,3 km/l na estrada, bastante satisfatório para um carro que tinha pegada bastante esportiva.

2. Honda HR-V (2019)

Pulando mais dois anos em nossa linha do tempo, chegamos ao sexto carro do Google Maps que separamos aqui no Canaltech. Este também vem da Ásia, mas do Japão: o Honda HR-V, modelo 2019.

HR-V, da Honda, também foi utilizado pelo Google, em 2019 (Imagem: Reprodução/Squabb)

A julgar pela imagem flagrada na West Broadway, na Califórnia (EUA), trata-se de um modelo dotado de motor 1.8, como o oferecido no Brasil e que já foi testado pela nossa reportagem recentemente.

1. Jaguar I-Pace (2021)

Fechando a lista está o carro mais moderno usado pelo Street View para captar imagens e jogá-las no Google Maps. Estamos falando do Jaguar I-Pace, veículo de luxo e primeiro carro 100% elétrico a ser usado pela gigante de tecnologia nesta função.

O Jaguar I-Pace foi empreado tanto para captar imagens quanto para medir a qualidade do ar em Dublin, na Irlanda. Um carro similar ao usado pelo Google custa hoje, no Brasil, cerca de R$ 661 mil.

Jaguar I-Pace utilizado pelo Google é 100% elétrico (Imagem: Reprodução/9to5 Google)

Ele tem autonomia combinada de cerca de 446 quilômetros, acelera de 0 a 100 km/h em 4,8 segundos e leva aproximadamente 8 horas para ficar 100% carregado em uma tomada de 11 kW.

Outros veículos usados pelo Google Maps

Agora também vamos listar outros veículos que o Google utiliza para captar as imagens e jogá-las no Maps em locais onde o acesso via carro não é possível.

Trolley e Trekker

Este primeiro aparelho aí à esquerda da foto abaixo chama-se Trolley. E não, você não foi “trolado”. Ele é usado para fazer imagens de museus, estádios e até da Casa Branca.

Trolley e Trekker: parece nome de dupla de rap, mas são equipamentos do Google Maps (Imagem: Divulgação/Google)

O outro aparelhinho é o Trekker, que nada mais é do que uma mochila equipada com câmeras e demais maquinários para acessar lugares em que apenas uma pessoa andando consegue. Fotos do Grand Canyon, nos EUA, foram feitas desta forma.

Trenó

Trenó, ou moto de neve, é usada para captar imagens radicais (Imagem: Divulgação/Google)

A moto de neve, também chamada de trenó, é usada pelo pessoal do Google para captar imagens do Papai Noel… Ou melhor, de esquiadores, praticantes de snowboard e exploradores de montanhas, como a Whistler Blackcomb.

Triciclo

Triciclo é ideal para ruas estreitas e, por isso, foi adotado pelo Google (Imagem: Divulgação/Google)

Mais um veículo que é usado pelo Google em lugares onde o carro do Maps não chega. Estamos falando do triciclo do Street View. A primeira utilizada foi a do modelo Selis Robin, na Indonésia.

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também