Estudo revela médias salariais na área de tecnologia

A busca por profissionais de tecnologia da informação (TI) aumentou durante a pandemia. E a remuneração desses especialistas também cresceu. Para entender o cenário, a Yoctoo, consultoria em recrutamento e seleção de TI, inovação e digital, fez um levantamento para criar o primeiro Guia Salarial do setor.

Paulo Exel, diretor da Yoctoo na América Latina, diz que foram utilizados dados coletados em entrevistas com profissionais de tecnologia ao longo de 2021. O conteúdo foi desenvolvido com inteligência artificial a partir do cruzamento de perguntas e respostas. “Conseguimos não apenas um panorama geral da área em 2021, mas também antecipar tendências para 2022.”

O Guia Salarial analisou os cargos de especialista, coordenador, gerente e gerente sênior. Os valores consideram apenas os salários brutos mensais — ou seja, não incluem benefícios como bônus e remunerações variáveis.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Guia apresenta salários para cargos de nível gerencial (Imagem: Reprodução/Envato/poungsaed_eco)

O cargo com menor salário é o de especialista em infraestrutura de redes, a partir de R$ 7 mil. O de gerente sênior tem remuneração entre R$ 22 mil e R$ 32 mil. Já os cargos executivos vão de R$ 28 mil a R$ 65 mil. Dos 39 cargos analisados, houve aumento nas faixas salariais em 29 deles. Os outros 10 se mantiveram estáveis. Nenhum registrou queda.

Outra conclusão do estudo é o fato de que as posições ligadas a back-end de engenharia de software, devops/nuvem em infraestrutura, engenharia e ciência de dados são as que mais registram fuga de talentos para o exterior. “Com o home office, os profissionais têm liberdade para trabalhar de onde quiserem.” Para Exel, o momento de aquecimento do mercado global faz muitos aproveitarem para trabalhar para empresas estrangeiras e receber em dólar ou euro.

Cargos promissores

Segundo o levantamento, os cargos mais promissores para 2022 incluem arquitetura enterprise/negócios, todas as posições das áreas de dados e segurança, especialmente as de governança e estratégia. “Essas áreas continuarão aquecidas para dar sustentação à transformação digital das empresas”, avalia o executivo.

Exel destaca que o objetivo do guia é ser um material prático para ajudar as empresas na criação de políticas de cargos e salários, e os profissionais, no planejamento de suas carreiras. “É a forma de contribuirmos com o nosso conhecimento e análise para esse setor tão fundamental para a economia nesse momento”, finaliza.

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também