Google terá novo recurso para ajudar vítimas de violência doméstica

O Google anunciou que a partir de agora, as pesquisas com termos relacionados a violência doméstica nos Estados Unidos retornarão uma caixa de informações de contato para a National Domestic Violence Hotline (Linha Direta Nacional de Violência Doméstica dos EUA).

A busca de termos como “violência doméstica” e “namorado me bateu” gera uma caixa no topo dos resultados, que inclui o número de telefone da linha direta, um link direto para os serviços de bate-papo on-line, além de um link direto para fazer uma ligação.

A iniciativa busca ajudar as vítimas e sobreviventes a pedir assistência de uma maneira mais rápida, principalmente em casos quando há uma breve oportunidade de pedir ajuda com segurança.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Busca de termos relacionados a violência doméstica retorna canais de contato para vítimas e sobreviventes (Imagem: Reprodução/Google)

O serviço de apoio conta com suporte de 24 horas, 7 dias por semana com assistência em inglês e espanhol, além de mais de 200 idiomas adicionais com a ajuda de intérpretes.

Além disso, os representantes também ajudam as vítimas por meio de conselhos sobre o uso seguro da internet nesses casos sensíveis, como a ocultação do histórico de busca e a criação de uma conta de e-mail alternativa.

O Google também conta com assistência para outras situações de crise nos resultados de pesquisa de termos relacionados a agressão sexual, dependência de drogas e suicídio, com informações de contato diretas para as instituições de assistência, que aparecem no topo dos resultados também.

Segundo a instituição, a violência doméstica afeta mais de 12 milhões de pessoas nos EUA por ano. Além disso, com a pandemia do covid-19, os fatores de risco de abuso, como estresse econômico, depressão e uso de álcool também foram exacerbados, levando a um pico no número de casos de agressão.

O recurso não é válido para o Brasil, noe tanto. Por aqui, vítimas de violência doméstica podem recorrer ao Ligue 180, serviço de assistência que registra e encaminha as denúncias aos órgãos competentes. O serviço conta com 24 horas de suporte, 7 dias por semana e a ligação é gratuita.

Fonte: Google

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também

Menu