Mais de 3,3 milhões de aparelhos são retirados do mercado pela Anatel

Mais de 3,3 milhões de equipamentos irregulares foram retirados do mercado em 2021 pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Desde 2018, quando a agência criou o Plano de Ação de Combate à Pirataria (PACP), foram apreendidos, lacrados ou retidos 4,2 milhões de produtos de telecomunicações.

Esses dados estão disponíveis no Dashboard PACP, que concentra os resultados das ações contra pirataria desenvolvidas pela Anatel. O valor estimado dos dispositivos é de R$ 475,8 milhões e, do total de produtos, 2,9 milhões estavam em portos, aeroportos, centros de distribuição dos Correios e couriers.

Dos artigos retirados do mercado, pouco mais de 1 milhão eram de radiação restrita, como fones de ouvido, teclados sem fio, caixas de som, relógios inteligentes, mouse sem fio e microfones. Depois deles, vêm os carregadores de bateria (951 mil) e a TV Boxes (805 mil).

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Itens irregulares foram retirados do mercado pela Anatel (Imagem: Montagem/Canaltech)

Criado em 2018, o PACP busca fortalecer a atuação da Anatel no combate à comercialização e ao uso de aparelhos sem homologação. O dashboard foi atualizado com os dados referentes a 2018 e 2019. Anteriormente, estavam disponíveis apenas os resultados a partir de 2020.

A Anatel tem painéis para disseminar dados e informações setoriais. São gráficos, mapas, dados segmentados e planilhas que podem ser úteis para diferentes públicos. Como reúnem tudo em um único espaço, os painéis ampliam a transparência das informações sobre o setor.

Fonte: Gov.br

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também

Menu