Startup de pagamentos entre países FacilitaPay está de mudança para os EUA

A fintech mineira FacilitaPay, especializada em soluções para empresas se conectarem a meios de pagamento de outros países, está de mudança para os EUA, de acordo com o Valor Econômico. A startup deve manter seus atuais escritórios no Brasil e no México, mas a sede passará a ser norte-americana.

Com o movimento, a empresa espera realizar sua primeira captação de recursos com investidores estrangeiros. Seu único capital foi em 2018, do bolso dos próprios fundadores, na ordem de US$ 500 mil (R$ 2,8 milhões nos valores atuais). A FacilitaPay já opera um volume de transações processadas (TPV) de US$ 3,36 bilhões (R$ 18,9 bilhões) ao ano.

Além de futuros aportes, a startup busca ficar mais perto de seus maiores clientes, já que mais de 60% da base de empresas que usam a plataforma está nos EUA, apesar de sua operação ocorrer até agora países latinos. Agora pretende buscar US$ 7 milhões (R$ 39,3 milhões) para sua primeira rodada.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

(Imagem: Reprodução/Alexander Mils/Pexels)

“Em 2020, o foco estava na nossa expansão. Entendemos que fazia mais sentido levar nossa solução também ao México e hoje estamos avançando por toda a América Latina. A partir disso, a gente começou a perceber uma barreira cultural e entender que manter o time comercial no Brasil criava um distanciamento gigante com nossos maiores clientes”, contou ao Valor Stephano Maciel, cofundador e CEO da empresa.

O negócio da FacilitaPay começou em 2017 como um meio de pagamento, mas mudou o foco para uma plataforma de operações financeiras entre países. Foi aí que começou a obter mais clientes de peso, como as empresas americanas de criptoativos Kraken e Stake, a companhia de pagamentos Flutterwave e as brasileiras Passfolio e Octo XB.

Fonte: Valor Econômico

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também

Menu