Startup e Microsoft criam plataforma de educação para rivalizar com a Hotmart

A startup Bettaself criou uma plataforma que mistura rede social e marketplace com diversos serviços de ensino, na qual as pessoas podem aprender e transmitir conhecimento. A empresa é apoiada pelo programa Microsoft for Startups, que fornece o sistema Azure para viabilizar a ideia.

A ideia é similar ao que faz a Hotmart: as pessoas podem vender na plataforma conteúdos — como e-books e cursos em vídeo — de temas no qual possuem alguma expertise. Já os que querem aprender podem se deparar com uma amplitude de materiais. No dia do lançamento do app (Android | iOS), a Microsoft diz que a Bettaself obteve mais de 100 mil acessos e cerca de 10 mil usuários cadastrados e ativos.

A inspiração teria vindo da Link School of Business, faculdade de empreendedorismo que realiza mentoria e aceleração de empresas nascidas em seu ambiente acadêmico. Além disso, a Bettaself foi inspirada em uma conta do Instagram chamada “Além da Facul”, criada por Álvaro Schocair, fundador da Link School of Business e da Bettaself. O perfil passou a vender cursos digitais sobre empreendedorismo e desenvolvimento pessoal.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

(Imagem: Reprodução/Avel Chuklanov/Unsplash)

Por meio do Microsoft for Startups, a Bettaself recebeu apoio da companhia com benefícios como créditos em nuvem, capacitação, apoio de especialistas, acesso a softwares e infraestrutura da Azure. Tudo isso foi feito em cinco semanas.

“Se você quer aprender alguma coisa, basta fazer uma pesquisa na internet. Mas também há uma possibilidade mais sofisticada, que seria se matricular em uma faculdade para fazer um curso de médio a longo prazo. Entre esses dois extremos, existe uma diversidade de opções muito grande. Cada vez menos as pessoas estão buscando cursos de grande extensão para extrair o conhecimento que elas precisam naquele exato momento”, comenta Álvaro Schocair.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também