Startup que oferece crédito rápido a empresas é avaliada em R$ 150 milhões

A fintech brasileira BrBatel anunciou uma nova rodada de investimentos nesta quarta-feira (1º) com valor não divulgado, mas o evento elevou o valor de mercado da empresa para R$ 150 milhões. O dinheiro veio do escritório de family office (assessoria para famílias ricas) Doninelli Participações.

O novo valuation da BrBatel é quase oito vezes superior em relação ao da primeira captação da startup, ocorrida em novembro do ano passado, quando começou a operar. O novo aporte será usado para melhorar sua automatização de operações de crédito, investir em marketing e aumentar de 26 para 40 funcionários até o final do primeiro semestre do ano que vem.

O ponto forte da fintech é uma tecnologia exclusiva que realiza análise de crédito e oferta de produtos para empresas de forma mais rápida do que os bancos, diz ela. Lucas Flores, cofundador e CEO da BrBatel, disse em comunicado à imprensa que o processo tradicional de captação de crédito ainda é antiquado, pois pede “dezenas de informações adicionais”, além de “cláusulas mal escritas, cálculos não transparentes” e “reciprocidades que forçam as organizações a assinarem contratos de seguro para conseguirem condições mais vantajosas”.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

BrBatel atende a companhias dos setores imobiliário, industrial, varejo e energia (Imagem: Reprodução/Alexander Mils/Pexels)

“A BrBatel surgiu para trazer menor complexidade no momento em que a companhia precisa de crédito para realizar investimentos, capital de giro ou melhorar as condições do endividamento atual. Com a nossa atuação neste ano, já ajudamos essas empresas a contratarem dezenas de milhares de pessoas no país”, afirma o executivo.

A empresa atualmente atende a companhias dos setores imobiliário, industrial, varejo, agronegócio e energia. Suas primeiras operações de crédito começaram com valores de R$ 5 milhões para empresas de médio e grande porte. Em seu primeiro ano, realizou mais de 50 operações e atingiu mais de R$ 650 milhões em captações, além de contar com mais de R$ 1,2 bilhão em operações em andamento. O faturamento estimado é de mais de R$ 12 milhões neste ano.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também

Menu