Filho do Superman derrota Lex Luthor de uma forma que seu pai jamais conseguiu

Com Clark Kent protegendo o universo, à Terra ficou sob responsabilidade de Jon Kent, filho do Superman com Lois Lane. O jovem herói tem demonstrado uma abordagem diferente da de seu pai em seu objetivo de melhorar o mundo, lutando a favor de mais causas sociais e pelas pessoas normais do que contra super vilões, e tudo isso foi perfeitamente exemplificado em uma nova HQ.

Aviso Spoilers a seguir

Em Superman: Son of Kal-El Annual #1, Jon percebe que o edifício do Clarim Diário, jornal que seu pai trabalhou por boa parte da vida adulta, está sendo impedido de ter acesso à luz solar por conta de letreiros enormes de um prédio da LexCorp, onde o nome “LEX” está escrito.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Para resolver a situação, Jon se encontra com Lex, e chama o bilionário para uma das mais antigas tradições da rivalidade do vilão com o Superman: um jogo de xadrez, em que o perdedor deve realizar um pedido do vencedor. Luthor, surpreso com a proposta, pergunta se o jovem sabe jogar, e recebe uma negativa.

O magnata ri e dá a Jon 10 minutos para se preparar — o que parece pouco para humanos, mas para um híbrido de kryptonianos, significa tempo o suficiente para o jovem analisar todas as partidas gravadas de Luthor e ler todos os livros do jogo disponíveis na sala.

Jon e Lex debatendo durante o jogo de xadrez. (Imagem: Reprodução/DC Comics)

Passado o tempo, a partida começa, e acaba com a vitória de Jon. Durante todo o jogo, o jovem herói conversou com Luthor sobre melhorias do mundo até, que no final, o fato culmina com ele avisando o bilionário que sabe que ele é esperto o suficiente para ajudar a cuidar da Terra, e não pensar em colonizar outros planetas e abandonar o corpo celeste.

É um contraste bem interessante com as mesmas conversas de Clark Kent com Luthor, que geralmente fazem o último filho de Kripton tentar apelar para o bem que existe no bilionário, sem muito sucesso. Jon, por outro lado, não quer tentar tornar Luthor uma figura mais simpática, mas sim o deixar de tal forma que ele coopere com o auxílio ao planeta, em vez de tentar superar sempre o Superman em uma rivalidade que não traz bem nenhum para o mundo.

E é por meio dessa conversa, e da aposta, que Jon faz que Luthor tire os letreiros do prédio da LexCorp. Por meio de uma competição amigável, ele fez que o bilionário realizasse uma boa ação, resumindo bem a inteligência e o Superman que o filho de Lois e Clark está se tornando.

Não sabemos como Luthor agirá no futuro com Jon, mas quem sabe a história narrada em Superman: Son of Kal-El Annual #1 não é o começo de uma nova dinâmica entre um Superman e o bilionário, onde em vez de lutarem, eles conversem entre si para solucionar problemas.

Fonte: CBR

Fonte feed: canaltech.com.br

Veja também

Menu